Sábado, 29 Abril 2017
UNRIC logo - Portuguese

A ONU na sua língua

Risco de zika em Portugal continental é baixo, diz especialista da OMS

Foto:  Mosquito Aedes é encontrado na Ilha da Madeira. Foto:Irin/Kate Mayberry

09/06/2016 - Mas quem mora ou visita a Ilha da Madeira deve tomar cuidados devido à presença do Aedes aegypt; João Pires garante que maioria dos repelentes é segura durante gravidez, no entanto primeiros três meses são de maior risco.

Assim como a maioria dos países da Europa, Portugal continental tem poucas chances de enfrentar uma epidemia de zika na atual temporada de verão no Hemisfério Norte.

A informação foi confirmada à Rádio ONU pelo especialista de Alerta e Resposta a Emergências da Organização Mundial da Saúde. João Pires trabalha no escritório da OMS para a Europa, na Dinamarca, e destacou que o mosquito que transmite zika não é encontrado na parte continental de seu país.

Oito semanas

Pires, que trabalha em Copenhague, explica que o Aedes aegypt está presente na Ilha da Madeira. Quem mora ou pretende visitar a ilha portuguesa, precisa se proteger.

"Não temos, até o momento, transmissão de zika na Madeira. Globalmente, a Organização Mundial da Saúde recomenda que mulheres grávidas não devem viajar para áreas com transmissão de vírus zika. Casais que retornem de áreas afetadas devem esperar pelo menos oito semanas antes de iniciarem relações sexuais desprotegidas com a intenção de engravidar. Outras recomendações gerais: utilizar roupas de manga comprida e de cor clara e repelente de inseto. O mosquito Aedes gosta mais de picar durante o dia."

Microcefalia

João Pires destaca ainda que se o parceiro masculino for infectado pelo vírus zika, a recomendação é que o casal use preservativo por pelo menos seis meses.

O médico da OMS também tem orientações para as grávidas. Segundo ele, ainda não há dados científicos suficientes que confirmem o período de maior risco de zika e microcefalia.

“O desenvolvimento da parte neurológica do feto se efetua durante o primeiro trimestre da gravidez. Várias publicações mostraram que existe algum risco de má formação congênita durante toda a gravidez. A OMS recomenda que seja feito um estudo ecográfico no primeiro trimestre para fazer uma avaliação sumária da morfologia do feto e depois uma nova ecografia entre as 18 e as 20 semanas, para realizar uma pesquisa mais rigorosa de má formação, especialmente dirigida a estrutura do cérebro."

Segundo João Pires, a capital de Portugal, Lisboa, será sede de um encontro da OMS e de especialistas de saúde europeus sobre o vírus zika.

O encontro ocorrerá entre os dias 22 e 24 de junho.

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York.

Sustainable Development Goals LOGO PT vertical 250

Sustainable Development Goals POSTER 250px

Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária

O Centro Regional de Informação das Nações Unidas para a Europa Ocidental (UNRIC), sedeado em Bruxelas, presta informação sobre as actividades da ONU nos países da região, incluindo Portugal. Põe à disposição do público os principais relatórios da ONU, documentos, publicações, fichas informativas, comunicados de imprensa e notícias, em várias línguas, nomeadamente o português.