Sexta, 18 Abril 2014
UNRIC logo - Portuguese

A ONU na sua língua

UNESCO e China destacam o papel da cultura na agenda de desenvolvimento pós-2015

BOKOWAA Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO ) e a China anunciaram no dia 3 de maio um congresso internacional sobre o papel que a cultura desempenha no alcance do desenvolvimento sustentável.



O congresso, intitulado "Cultura: A chave para o Desenvolvimento Sustentável" terá lugar em Hangzhou, na China, entre os dias 15 a 17 maio, e tem como objectivo ajudar a definir a agenda de desenvolvimento global 2015 e além.
"A cultura é o que nos faz quem somos, que nos dá força, e fornece respostas para muitos dos desafios que enfrentamos hoje ", disse a Diretora-Geral da UNESCO, Irina Bokova.
"Este poder é cada vez mais reconhecido por países de todo o mundo. Precisamos agora de vontade política para agir de acordo com este reconhecimento, a cultura dominante em todas as estratégias e programas de desenvolvimento nos níveis global, regional e local, para integrar a cultura dentro de metas nacionais de desenvolvimento", disse ela.
A UNESCO defende há muito que a cultura é essencial para o desenvolvimento sustentável, por causa dos recursos que ela incorpora aos indivíduos e comunidades como fonte de inovação e criatividade.
Hoje, o património cultural, as indústrias culturais e criativas e o turismo cultural sustentável e as infra-estruturas culturais geram receitas substanciais, nomeadamente nos países em desenvolvimento, ajudando-os a combater a pobreza e o desemprego.
"Os factores culturais influenciam estilos de vida, padrões de consumo e os valores relacionados com a nossa interação e com o manejo do ambiente natural ", informou a UNESCO em um comunicado à imprensa. Da cultura fazem também parte "os sistemas de conhecimento locais e indígenas e as práticas de gestão ambiental, as quais fornecem informações e ferramentas valiosas com as quais se enfrentam desafios ecológicos, tais como a perda da biodiversidade, a degradação dos solos e as mudanças climáticas. Não podemos deixar de referir também o seu papel fundamental para que todas as pessoas tenham uma vida intelectual, emocional, moral e espiritual satisfatória".
O congresso vai reunir cerca de 450 políticos, líderes de instituições de desenvolvimento, representantes do setor privado, da sociedade civil, da academia e das artes, e espera-se que produza contributos substanciais para as discussões sobre o enquadramento da agenda de desenvolvimento pós-2015.
"O objetivo é inspirar os governos, sociedade civil, empresas e comunidades para aproveitar o poder da cultura na abordagem dos desafios mais urgentes do mundo", disse a UNESCO.

03 de maio de 2013 | Centro de Notícias da ONU (Traduzido por UNRIC)


 Dia em Memória das Vítimas do Genocídio do Ruanda

Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária

O Centro Regional de Informação das Nações Unidas para a Europa Ocidental (UNRIC), sedeado em Bruxelas, presta informação sobre as actividades da ONU nos países da região, incluindo Portugal. Põe à disposição do público os principais relatórios da ONU, documentos, publicações, fichas informativas, comunicados de imprensa e notícias, em várias línguas, nomeadamente o português.