Sexta, 22 Agosto 2014
UNRIC logo - Portuguese

A ONU na sua língua

ONU estabelece Fundo para Apoiar o Voluntariado Jovem

VOLUNTEER Um fundo fiduciário foi criado pela Organização das Nações Unidas para aumentar o voluntariado jovem e aproveitar a energia dos jovens de todo o mundo para contribuir para alcançar os objectivos de desenvolvimento, reforçando simultaneamente a suas próprias vidas.

Anunciado pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) e pelo Programa Voluntários das Nações Unidas (UNV), o novo fundo  para a juventude é um marco importante no desenvolvimento do inspirador Programa das Nações Unidas.

O anúncio foi feito no primeiro aniversário do lançamento  pelo Secretário-Geral Ki-moon, da sua da Agenda de Ação para cinco anos que inclui uma medida específica para "criar um programa de voluntários jovens da ONU” sob a alçada do programa de Voluntários das Nações Unidas."

Há muito apoiado pelo sistema das Nações Unidas, o voluntariado é amplamente reconhecido como um poderoso meio de transformar o ritmo e o tipo de desenvolvimento e baseia-se nos valores fundamentais inerentes de auto-ajuda,  solidariedade e coesão social.

"Através do voluntariado, os jovens ganham um forte sentido cívico e motivação para exercer mudança transformacional nas suas comunidades", Administradora do PNUD, Helen Clark, disse.

"A participação da juventude e o voluntariado são fundamentais para alcançar o desenvolvimento humano sustentável e o PNUD continuará a dar grande importância à agenda da juventude, nomeadamente através do Programa das Nações Unidas Jovens Voluntários", disse Helen Clark.

O fundo fiduciário fornecerá a base financeira para o desenho e a implementação da modalidade de voluntariado jovem, que está previsto para ser lançado ainda este ano e que irá envolver anualmente milhares de jovens no apoio à paz e de desenvolvimento em todo o mundo.

Também permitirá ao UNV apoiar as iniciativas de voluntariado de jovens que procuram melhorar diretamente o envolvimento dos jovens em actividades de voluntariado e fortalecer a capacidade dos governos para desenvolver os seus próprios programas de voluntários jovens nacionais e regionais.

"Estamos à espera de uma contribuição inicial de pelo menos cinco milhões de dólares para o desenho e lançamento do programa, incluindo a modalidade de voluntariado jovem. A este respeito, congratulamo-nos com o compromisso de 1,5 milhões de dólares do Governo da Alemanha como o primeiro a apoiar o voluntariado jovem através do fundo de garantia. Esperamos poder contar com o apoio adicional de outros parceiros de desenvolvimento à medida que o programa se expande exigindo mais recursos financeiros. Isto irá permitir-nos chegar a tantos jovens em todo o mundo quanto possível", disse o Coordenador Executivo do UNV, Richard Dictus.

Como parte de seu apoio contínuo ao voluntariado jovem, o UNV está a colocar 87 jovens voluntários internacionais em 50 países em desenvolvimento. Esta iniciativa é apoiada pelos governos da Bélgica, República Checa, França, Alemanha, Irlanda, Itália, Suíça, e fundações ou universidades na República da Coreia, Japão e Espanha e apela a outros doadores para se associarem ao fundo.

Nesta ocasião, o PNUD e UNV também felicitaram o recém-nomeado Enviado  do Secretário-Geral para a Juventude, Ahmad Alhindawi da Jordânia. O UNV e o PNUD aguardam com optimismo poder trabalhar em conjunto com o Sr. Alhindawi para fazer avançar a agenda da juventude em todo o mundo.

 

 

 

 

Dia 30 de Julho – Dia Internacional da Amizade

Este dia foi proclamado Dia Internacional da Amizade em 2011 pela Assembleia Geral da ONU com a ideia de que a amizade entre povos, países, culturas e pessoas pode inspirar os esforços de paz e construir pontes entre pessoas.

Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária

O Centro Regional de Informação das Nações Unidas para a Europa Ocidental (UNRIC), sedeado em Bruxelas, presta informação sobre as actividades da ONU nos países da região, incluindo Portugal. Põe à disposição do público os principais relatórios da ONU, documentos, publicações, fichas informativas, comunicados de imprensa e notícias, em várias línguas, nomeadamente o português.