Terça, 26 Maio 2015
UNRIC logo - Portuguese

A ONU na sua língua

UNESCO realiza Fórum Mundial da Educação na Coreia visando definir quadro de ação até 2030

05 13 2014BringBack OurGirlsA UNESCO realiza de 19 a 22 de maio na Coreia do Sul, a edição deste ano do Fórum de Educação Mundial, sob o tema “ Transformar Vidas Através da Educação: Uma educação de qualidade igualitária e inclusiva e aprendizagem ao longo da vida para todos até 2030”. O encontro mundial visa reunir o mundo da educação e trabalhar numa visão partilhada das prioridades de educação globais a serem integradas na nova agenda de desenvolvimento sustentável.

Continuar...

Mais de mil milhões de pessoas ainda vivem sem eletricidade

Mulher a cozinhar arroz na aldeia de Melsanakuppam em Tamil Nadu, sul da Índia

O mundo está a caminhar na direção certa para alcançar o acesso universal à energia sustentável até 2030, mas deve avançar a um ritmo mais rápido, diz um novo relatório que acompanha o progresso da iniciativa Energia Sustentável para Todos (SE4All).

O relatório - "Progresso para a Energia Sustentável: situação do quadro global em 2015" - revela que mais de mil milhões de pessoas no mundo ainda vivem sem eletricidade e quase 3 mil milhões ainda cozinham usando combustíveis poluentes, tais como querosene, madeira, carvão vegetal e esterco. O relatório advoga que a eficiência na geração de energia renovável terá de acelerar dramaticamente.

"Estamos na direção certa para acabar com a pobreza energética", disse Anita Marangoly George, diretora sénior do departamento de Energia e Práticas Extrativas Globais do Banco Mundial, "mas ainda estamos muito longe da meta. Teremos de trabalhar muito mais, especialmente para mobilizar maiores investimentos em energia renovável e eficiência energética. temos de aproveitar as finanças públicas para mobilizar o capital privado, algo indispensável para alcançar essas metas. "

O relatório é o segundo de uma série que acompanha o progresso mundial em três objetivos: aumento do acesso universal à energia, duplicar a taxa global de melhoria na eficiência energética,  duplicar a quota das energias renováveis ​​na matriz energética global - que devem ser atingidos em 2030. Enquanto a primeira edição, lançada em 2013, medido progresso entre 1990 e 2010, esta edição concentra-se no período de 2010 a 2012.

Neste último período, o número de pessoas sem acesso à eletricidade diminuiu de 1200 a 1100 milhões, uma taxa de progresso muito mais rápida do que no período de 1990 a 2010. No total, 222 milhões de pessoas passaram a ter acesso à energia elétrica durante este período, um valor mais elevado do que o aumento da população (138 milhões de pessoas). Estes ganhos foram concentradas na Sul da Ásia e na África Subsaariana, e principalmente em áreas urbanas. A taxa de electrificação mundial aumentou de 83 por cento, em 2010, para 85 por cento em 2012.

Mas houve menos progressos no acesso a combustível menos poluente para cozinhar:  quase 3 mil milhões de pessoas ainda usam combustíveis á base de biomassa (madeira e esterco) - a maior parte dessa população vive em áreas rurais da África Subsaariana, Sul da Ásia e Ásia oriental.

GlobalAction Digital Cards 2015 Energy Woman Portuguese web

Do lado positivo, a quota de energias a partir de fontes renováveis modernas (hidrelétrica, solar e eólica) cresceu  4 por cento ao ano durante o período de acompanhamento. As energias renováveis ​​modernas perfizeram 8,8 por cento do consumo de energia mundial em 2012. Ainda assim, para atingir a meta definida para 2030, a taxa de crescimento anual de energia renovável tem de rondar os 7,5 por cento.

O relatório utiliza o critério de intensidade energética - produção económica global, dividida pelo consumo total de energia - como medida de aferir a eficiência energética. Durante 2010-2012, a intensidade energética caiu mais de 1,7 por cento ao ano, muito mais do que a taxa anual durante 1990-2010, mas ainda mais lento do que o objectivo de queda de 2,6 por cento da intensidade energética previsto para o período entre 2010 e 2030.

"Progresso para a Energia Sustentável: situação do quadro global em 2015" foi produzido em conjunto pelo departamento de Energia e Práticas Extrativas Globais do Banco Mundial, pelo Programa de Assistência de Gestão do Sector da Energia  do Banco Mundial (ESMAP) e pela Agência Internacional de Energia, além de ser apoiado por 20 outras organizações e agências parceiras.

 

19 de maio de 2015, Editado por UNRIC

No Dia Internacional da Família, ONU destaca igualdade de género e direitos das crianças

04 01 2015Iraq TikritPara assinlar o Dia Internacional da Família, que se comemora a 15 de maio, as Nações Unidas escolheram, em 2015, o seguinte lema:  “Homens ao comando? Igualdade de Género e Direitos das Crianças nas Famílias Contemporâneas”. A pergunta é um convite à reflexão sobre o papel que a igualdade de género e os direitos das crianças devem ter nas leis da família, como forma de promover sociedades mais justas e como fatores  indispensáveis para o alcance dos objetivos de desenvolvimento.

Continuar...

Iémen regista semana mais “mortífera” do conflito antecedendo cessar-fogo

05 12 2015Yemen AidCerca de 200 civis morreram, na semana passada, no Iémen numa altura em que o país regista o período com mais baixas desde que confrontos violentos começaram, a 26 de março passado. A informação é dada  pelo Alto Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos (ACNUDH).

Continuar...

ONU intensifica ajuda humanitária após novo terramoto no Nepal

05 12 unicef nepalUm novo terramoto com magnitude de 7,3 atingiu o Nepal, fazendo pelo menos 40 mortos, de acordo com informação recebida pelas Nações Unidas. A castastrofe deu-se apenas duas semanas após outro grande sismo que matou mais de 8 mil pessoas e devastou a maior parte das infraestruturas do país.

Continuar...

Pág. 1 de 1391

Início
Anterior
1

70º Aniversário da Organização das Nações Unidas

UN70 Logo Portuguese vertical 250px

Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária

O Centro Regional de Informação das Nações Unidas para a Europa Ocidental (UNRIC), sedeado em Bruxelas, presta informação sobre as actividades da ONU nos países da região, incluindo Portugal. Põe à disposição do público os principais relatórios da ONU, documentos, publicações, fichas informativas, comunicados de imprensa e notícias, em várias línguas, nomeadamente o português.